terça-feira, 15 de outubro de 2013

Relatório da palestra "Alergias"




“O que é festa é festa e festa não se faz todos os dias”
Estas foram as simples palavras de Ana Sofia Pacheco (medicina tradicional chinesa, na M Verbena) que iniciaram a sua palestra sobre alergias e sistema imunitário.
A partir daí fez uma bela descrição dos ingredientes comummente usados em festas e que são otimizadores de muco.
Ao falar de festa há a intenção de alertar para a necessidade,  não só de escolher os alimentos, como também de se saber moderar os que não são tão saudáveis, apesar de “sermos viciados neles”.
Este “senhor muco” acumula-se não só nas nossas fossas nasais como em todo o corpo, danificando os nossos órgãos sob diversas formas:
Alergias de pele, do foro respiratório, infecções e até problemas psicológicos tais como tendência a isolamento, a separação e dificuldade em aceitar a realidade.
O muco acidifica a qualidade do nosso sangue fazendo uma série de estragos na nossa saúde.
Esta é maravilha da medicina oriental, de forma simples e global vê logo a origem do problema.
Mas afinal quais são os malandros que produzem o muco?
São muito mais do que imaginam:
Comecemos pelos refrigerantes, o açúcar, o tomate, a salada, os laticínios e óleos vegetais de ma qualidade, os cereais refinados e muitos mais “maus da fitas”.
Como podem compreender a base da maioria dos nossos problemas de saúde assim como as respetivas soluções estão na alimentação.
Por esta e por outras razões dedico a minha vida na confeção e aulas de Culinária Vitalizante e Educativa.
E por essa mesma razão fui convidada a participar na palestra da Ana Sofia dando algumas dicas e claro dando a provar algumas das minhas iguarias.
Foi uma palestra de casa cheia e cheia de informações riquíssimas entusiasmando e informando as pessoas a tomarem o rumo das suas vidas pela via duma saúde de auto-responsabilidade, e o mais longe possível do sistema médico  alopático.
Estas palestras são mensais, gratuitas e todos erão muito bem vindos.
O meu obrigada à Ana Sofia e ao espaço M Verbena.

Saudações nutritivas
Palucha







Enviar um comentário